segunda-feira, 16 de março de 2009

Álvares de Azevedo.





4 comentários:

  1. Obrigada!!!Pena que não consegui colocar o que eu fiz.
    Bjus!!!

    ResponderExcluir
  2. Caríssima, achei muito boa a idéia de criar este blog. Vamos cantar louvores ao Romantismo porque o mundo de hoje caminha para um processo louco de desagregação... Todos já aceitam que são ilhas, não se interessam mais em apostar na vida junto...
    Agora, adicione os dois mais belos poemas dele: O Crepúsculo nas Montanhas e o Crepúsculo no Mar. Ambos estão na Lira.

    ResponderExcluir
  3. Aliás, você sabia que os poemas da primeira edição da Lira dos Vinte Anos representavam a vontade do autor? Ou seja, os outros ficaram de fora por escolha dele. De forma que os enxertos que fizeram ao livro após a primeira edição fogem ao que o poeta havia escolhido para ser o seu primeiro livro de poemas. Acho que tais textos jamais deveriam ter sido acrescentados ao mesmo volume, e sim formar outro...
    Beijos.

    ResponderExcluir